Pablo Lobato

Nasceu em Bom Despacho, Minas Gerais (1976), e vive em Belo Horizonte.

COMPARTILHE

Antes de ter as artes visuais como principal campo de atuação, sua prática artística concentrou-se no cinema. Com um interesse continuado pela produção audiovisual, seu trabalho hoje se desenvolve em uma zona indeterminada entre essas disciplinas. Exibe regularmente desde 2001 em festivais de cinema no Brasil e exterior, como Festival do Rio; Festival de Brasília; Sundance, EUA; Locarno, Suíça, entre outros. Em 2008, foi selecionado pelo projeto Bolsa Pampulha. Em 2011, integrou o Panorama da Arte Brasileira, MAM-SP e o Programa Rumos Artes Visuais. Em 2012, foi contemplado com o Prêmio Aquisição do 64º Salão Paranaense, MAC-PR e participou de exposições na Noruega, França, EUA, China, Argentina e Chile. Atualmente dedica-se à finalização do filme Ventos de Valls, que deriva de uma ação realizada na Espanha em 2009, financiada pela fundação John Simon Guggenheim, NY. Seu trabalho integra as coleções públicas do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro; Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte; Centro Cultural Banco do Nordeste, Fortaleza; Museu de Arte do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, dentre outras.